Fachada para escritório de advocacia

Fachada para escritório de advocacia

A construção da sua imagem é muito importante quando o assunto é abrir um escritório de advocacia e isso inclui até mesmo a fachada do seu escritório. Convenhamos que você não pode escolher qualquer cor, qualquer tipo de iluminação, qualquer tipo de placa, entre outros, para a fachada de um escritório de advocacia, não é mesmo?

Principalmente se o seu intuito é passar uma imagem de seriedade, compromisso e confiança para possíveis clientes. Então, é importante atentar-se a algumas dicas para não cometer nenhum erro neste momento. Continue a leitura deste artigo e confira!

5 dicas para fachada de escritório de advocacia

Cada detalhe faz toda diferença para o advogado no mercado e até mesmo a fachada do escritório de advocacia vai ser responsável por fazer essa diferenciação em meio a tanta concorrência.

Pode parecer algo sem importância, fútil e superficial, mas, ao contrário do que parece, a fachada do seu escritório vai ajudar, de forma significativa, a passar uma ideia de profissionalismo, zelo e preocupação. Para facilitar nesta tarefa, siga algumas dicas:

Fique de olho nas normas estabelecidas pela OAB

Muitas pessoas não sabem disso e, por isso, é fundamental frisar que existe um Código de Ética e Disciplina da OAB e que nele constam algumas normas acerca da composição da fachada de escritório de advocacia.

Isso significa que esse Código é responsável por determinar a postura dos Advogados, estabelecendo princípios fundamentais do exercício da Advocacia, como:

– A relação do profissional com seus clientes; – A relação do advogado com outros profissionais; – Os limites da publicidade profissional; – A composição dos painéis de identificação.

Tenha cuidado na escolha da paleta de cores

Falando agora de um aspecto exclusivamente visual, a escolha da paleta de cores para a fachada do seu escritório de advocacia deve ser feita com cuidado a fim de garantir que a sua imagem seja associada a pontos positivos conforme esperado.

Não vá usar um verde neon! É importante utilizar cores que demonstrem sobriedade, confiança, seriedade, profissionalismo, etc. Você pode escolher cores que têm mais a ver com o perfil do seu escritório, usando cores estratégicas para garantir o sucesso do seu trabalho. Existem algumas cores as quais são bem comuns na área de advocacia, podendo-se destacar as seguintes:

Preto: cor neutra, passando um ar de elegância e força; – Azul-marinho: passa uma imagem confiança, estabilidade e ordem; – Verde-musgo: forte relação com aspectos de segurança e  harmonia; – Vermelho bordô: significa sofisticação e satisfação; – Dourado: ótimo para expressar nobreza, opulência; – Prata: remete ao prestígio e à inovação.

Olhe para a criação da sua identidade visual como um todo

Sem sombra de dúvidas, a sua identidade visual deve ser consonante de um modo geral, analisando cada detalhe e verificando que aspectos da fachada do seu escritório de advocacia estão em harmonia com o logotipo do Advogado e até mesmo com as suas redes sociais ou site de divulgação.

Não adianta nada garantir uma fachada extremamente elegante, preta, passando uma imagem de sobriedade e ter seu cartão  em um tom verde claro, por exemplo. Pode ter certeza que essas pequenas diferenças não são detalhes os quais vão passar despercebidos pelos seus clientes em potencial. Isso pode ocorrer até de forma inconsciente!

Além disso, dar uma atenção especial a essa questão é bem interessante, afinal de contas, o seu cliente pode identificar que determinado detalhe é algo original seu e automaticamente associar isso a outros meios de comunicação.

Coloque dados essenciais na placa da fachada

Para garantir que tudo dê certo, é recomendado que você priorize por informações relevantes, as quais não devem ficar de fora do painel, como:

– Nome dos sócios, se tiver; – Número de registro na OAB; – Especialização do escritório (se este for o caso); e – Telefone para eventual contato.

Gostou deste artigo?

Compartilhe!

White Dotted Arrow